História

 SANTA MARIA, MÃE DE DEUS

“Surge aqui uma luz. Uma luz que aquece os corações. Uma luz que clareia com o seu brilho ardente. Uma luz que inquieta e nunca se apaga”.

Através do decreto número 341 de 24 de maio de 1981, assinado pelo Excelentíssimo, Reverendíssimo Arcebispo Metropolitano de Belo Horizonte, Dom João de Resende  Costa.

O decreto da criação da Paróquia Santa Maria Mãe de Deus é o que segue abaixo, reproduzido integralmente.

CRIAÇÃO DA PARÓQUIA

Pelo presente decreto fica criada canonicamente a Paróquia Santa Maria Mãe de Deus – bairro União, Fernão Dias, Penha, Dom Joaquim. Sob a invocação de Santa Maria Mãe de Deus. Limita-se as seguintes Paróquias: Santa Luzia, São Vicente de Paulo, Nossa Senhora de Nazaré, São Marcos e São Paulo Apóstolo.

A cerimônia de criação foi presidida pelo Exmº. Revmº. dom João Resende Costa, com a presença de toda comunidade do bairro União e adjacências convergindo-se todos os esforços e movimentos religiosos deste dia para que se fizesse mais esta vontade santa do povo de Deus, iluminados pelo Espírito Santo.

A Paróquia era dirigida pelo diácono Antônio Elias de Oliveira, auxiliado pelo eficiente padre Carmelo, que trabalhava com o grupo de jovens, dirigia as celebrações e integrava a comunidade religiosa que frequentava a Paróquia recém estabelecida.

 

NOSSA LOGOMARCA

LEITURA ESPIRITUAL DA LOGOMARCA

1)   A mulher indica Maria que acolhe, carinhosamente, seu filho Jesus. É cada um de nós que acolhe nosso Senhor. É cada um de nós acolhido por nossa Senhora. Por isso não há olhos, boca, nariz… melhor, os olhos, boca, nariz… são os de Maria e de Jesus, são os nossos.

2)   As linhas arredondadas indicam que todos estão familiar e alegremente, envolvidos pelos cabelos soltos e pelo véu, formando um ninho de vida nova, um abraço de paz, um entrelaçamento de amor. Assim como procuramos ser: comunidades de irmãos, em rede, cujos fios são finos e delicados para facilitar a entrada e aconchego de todos, especialmente dos pequenos.

3)   A cobertura indica um manto, uma montanha, uma cúpula de igreja: sob a proteção do manto de Maria, no alto das montanhas dos nossos bairros, onde celebramos o encontro com Deus e formamos a Igreja de Cristo.

4)   Tudo aos pés da cruz do Senhor Jesus. É a cruz do mistério pascal, do crucificado-ressuscitado, grande, simples e bonita, curvando-se vertical e horizontalmente sobre todos, salvando, para que ninguém se perca. É o abraço que o Pai nos dá por seu Filho.

5)   O Espírito a gente não vê. É o amor. O amor é o azul, ora brando, ora forte, amálgama, mistura que une tudo, harmonicamente. Assim como não há uma só linha isolada, não pode haver uma só criatura fora da vida.

       Paróquia Santa Maria Mãe de Deus: esta paróquia mariana
é mesmo paróquia do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

Pin It